Notícias > Rússia combate sanções com aumento da produção de queijo
  Voltar Imprimir
 

 

 
  Rússia combate sanções com aumento da produção de queijo


O bloqueio da importação de produtos de países ocidentais levou a um desenvolvimento significativo de parte da agricultura local e do setor dos laticínios.

E, de repente, dezenas de cabras francesas desembarcam nas profundezas da Sibéria. Trata-se de um dos efeitos colaterais da intervenção militar russa na Ucrânia: a União Europeia levantou várias sanções contra Moscovo, bloqueando a circulação de inúmeras mercadorias. Por sua vez, o presidente russo proibiu a importação de produtos de países ocidentais. Mas, em contrapartida, isso levou a um desenvolvimento significativo de parte da agricultura local e do setor dos laticínios.

"Quando os produtos estrangeiros desapareceram das prateleiras, nós decidimos criar uma oportunidade e passámos a produzir e vender o nosso próprio queijo", diz-nos Ilja Bondarjev, diretor executivo da UGMK-Agro.

Após o embargo implementado em novembro de 2016, cerca de mil cabras foram enviadas para a Sibéria. Hoje em dia, o número passou para o dobro. Se alguns produtores beneficiam claramente, os consumidores continuam a ver os preços a aumentar.






Fonte: ANILACT / Euronews

 
 
08-02-2018
       
 
   
 
 
home
Página de Entrada
 
Opinião
 
Links Úteis
 
Pesquisa
 
Mapa do Sítio
     
Intranet  
 
Username:
 
 
Password:
 
     
   
Entrada    ::    OMAIAA    ::    Publicações    ::   Mercados   ::   O Seu Olhar    ::    Notícias    ::    Contactos
Copyright 2011 © Observatório dos Mercados Agrícolas e das Importações Agro-Alimentares