Notícias > Vietname é o maior produtor de café robusta com 45% da safra mundial
  Voltar Imprimir
 

 

 
  Vietname é o maior produtor de café robusta com 45% da safra mundial


Peru, México e Guatemala respondem em nível mundial por 38% das exportações dos cafés arábicas classificados como outros suaves

O Vietname, maior produtor de café robusta, participa em média com aproximadamente 45% da produção desse tipo de café a nível mundial. Nesse contexto, as exportações desse país somente no mês de janeiro de 2018 alcançaram 3,29 milhões de sacas ( 1 saca ~ 60 kg ), volume que representa quase o dobro do total exportado por esse país asiático em janeiro de 2017. Tal performance está diretamente relacionada ao aumento de 16,4% das exportações vietnamitas, cujo volume, equivalente a sacas de 60kg, alcançou 8,96 milhões de unidades nos quatro primeiros meses do ano cafeeiro de 2017/18.

Com esse desempenho, o Vietname, sem dúvida,  coloca-se como o maior produtor e exportador de café robusta e, com isso, responde atualmente por cerca de 45% da produção global, que, de acordo com dados estatísticos da Organização Internacional do Café – OIC, está calculada em aproximadamente 60 milhões de sacas de 60kg. Conforme esses dados, o Vietname, na safra 2017/18, produziu um total estimado em 28,5 milhões de sacas, volume 11,6% acima da safra anterior (2016/17), apesar de ser 0,8% abaixo do que foi produzido na safra 2015/16. Esses números da performance da cafeicultura do Vietname, assim como da produção e consumo de outros paísesPara a Organização, a safra de café compreende os meses do período de outubro a setembro.

De acordo ainda com os dados do Relatório da OIC, a Indonésia e a Índia também são produtores relativamente grandes de café robusta, pois respondem, respetivamente, por cerca de 15% e 6% da produção global. Contudo, os dados da Organização estimam que a produção da Indonésia declinará em torno de 6% e atingirá o equivalente a 10,8 milhões de sacas de 60kg na safra 2017/18. De outro lado, a produção da Índia deverá aumentar 12,3%, a qual está sendo provisoriamente estimada em 5,84 milhões de sacas. Nesse contexto, as exportações desse país nos quatro primeiros meses do ano-safra 2017/18 (outubro, novembro, dezembro e janeiro) somaram 1,91 milhão de sacas, número que representa crescimento de 11,9%, se comparado com o mesmo período de 2016/17.

Em relação aos cafés arábicas, conforme a OICHonduras é o maior produtor dos cafés arábicas do tipo “Outros Suaves”, país que responde por cerca de 25,6% da produção global. Os tipos de cafés arábicas adotados e classificados pelo OIC são: “Colombian Milds”, “Other Milds” e “Brazilian Milds”. Nesse caso, a produção hondurenha (Other Milds) da safra 2017/18 está estimada em 8,35 milhões de sacas, volume que deverá ser 12% acima da safra de 2016/17. Tal aumento da produção já está refletido no maior volume exportado pelo país nos quatro primeiros meses do ano cafeeiro de 2017/18, o qual foi de 1,53 milhão de sacas, se comparado com o volume de 1,36 milhão de sacas vendidas ao exterior no mesmo período de 2016/17.


Por fim, vale destacar que as exportações globais de café em janeiro de 2018 totalizaram 11,01 milhões de sacas, número 20,7% acima de janeiro de 2017. Além disso, o volume total exportado no período de outubro de 2017 a janeiro de 2018 foi de 40,74 milhões, sendo que no mesmo período anterior foram exportados 39,53 milhões. Assim, as exportações dos cafés arábicas perfizeram um total de 25,87 milhões de sacas nos quatro primeiros meses do ano cafeeiro de 2017/18, 1,3% acima do mesmo período do ano passado. E as exportações dos cafés robustas aumentaram 6,4%, alcançando 14,87 milhões.







Fonte: Consórcio Pesquisa Café

 
 
19-03-2018
       
 
   
 
 
home
Página de Entrada
 
Opinião
 
Links Úteis
 
Pesquisa
 
Mapa do Sítio
     
Intranet  
 
Username:
 
 
Password:
 
     
   
Entrada    ::    OMAIAA    ::    Publicações    ::   Mercados   ::   O Seu Olhar    ::    Notícias    ::    Contactos
Copyright 2011 © Observatório dos Mercados Agrícolas e das Importações Agro-Alimentares